Nutricionista e Fisiologista do Esporte

Minha foto
Palestrante, Nutricionista Clinico Esportivo, Mestre em Ciência da Motricidade Humana,Graduado em Educação Física; ; Atualmente:Treinador de Atividades de Ultra-Endurance; Professor Conferencista - Experiência na Área de Fisiologia do Exercício e Nutrição Esportiva; com ênfase no Treinamento de Alto Rendimento, Treinamento personalizado e Emagrecimento. CBF

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

A Pratica do Exercício Físico altera a microbiota intestinal

                   Resultado de imagem para endurance           

O exercício pode alterar a composição e a forma como os trilhões de micróbios do intestino agem. 

A Atividade de Endurance promove um aumento na quantidade de micróbios que podem ajudar a produzir substâncias chamadas ácidos graxos de cadeia curta.

 Acredita-se que eles ajudam a reduzir a inflamação no intestino e no resto do corpo. Também trabalham  combatendo a resistência a Insulina e reforçam nosso metabolismo. 








































 Med Sci Sports Exerc. 2017 Nov 20. doi: 10.1249/MSS.0000000000001495

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Entrevista para TV GLOBO - Emagrecimento Saudavel Dr. Rogerio 2017 0...

COMO O VERÃO COMEÇOU, AS DIETAS E OS MODELOS DE ALIMENTAÇÃO MUDAM EM FUNÇÃO DA BUSCA DO "CORPO PERFEITO", VAMOS RECORDAR UM POUCO DA ENTREVISTA CONCEDIDA A  TV GLOBO COM TEMA : JEJUM INTERMITENTE

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Treine seu Intestino

             
Resultado de imagem para intestino e corrida
 Os atletas tendem a fazer um bom trabalho ao treinar seus músculos, coração e pulmões. 

Mas alguns deles (particularmente os atletas de resistência (Endurance) e aqueles que praticam esportes com longo período de duração, geralmente não dão a tenção necessária ao seu intestino. 

             Estima-se que 30-50% dos atletas de resistência (incluindo até 90% dos corredores de distância) tiveram problemas gastrointestinais (GI) durante e após o exercício intenso. Eles relatam inchaço, gases, náuseas, cãibras de estômago / dor, diarréia, vômitos e desejo de defecar. 

Essas questões surgem durante longas períodos de atividade, porque o fluxo sanguíneo para o intestino é reduzido por um longo período de tempo. 

Quando combinado com desidratação, temperatura corporal elevada e altos níveis de hormônios do estresse, a função intestinal normal pode diminuir abruptamente. 

 Se você é um atleta com um trato GI sensível, restringir sua dieta antes e durante o exercício não resolverá o problema. 

Você quer aprender como treinar seu intestino para acomodar carboidratos e água potenciadoras de desempenho?  Dessa forma, você pode treinar melhor - portanto, competir melhor - sem ser surpreendido com as paradas "banheiros" indesejadas. 

 Para você ser competitivo, significa que você precisa combustível de forma adequada para funcionar de forma otimizada. Enquanto alguns "keto-atletas" optam por treinar seus corpos para confiar na gordura como combustível (a gordura é menos provável que cause desconforto GI), treinar o intestino é uma alternativa muito mais fácil para a maioria de nós


. Para maiores informações,  nos procure.

 Tenham um grande Ano de 2018